30/08/2017

Ninguém – (Roberto Menescal e Wanda Sá)

Ninguém chegou tão perto assim E mais ninguém tocou meu coração assim Do meito que você tocou Jamais ninguém me seduziu, me conquistou Me descobriu e desarmou O que eu fiz pra proteger meu coração Então, me diz Se foi…

Nara – (Roberto Menescal e Joyce)

Paira A lua tonta sobre o mar do Leme E estende gentilmente as asas pálidas Anunciando que já está na hora Chora Copacabana em luzes imprecisas Delicadezas piscam feito lágrimas Brilhando mansamente a luz da aurora Na paisagem de Nara…

Mil Rios – (Roberto Menescal e Costa Netto)

Sei que algumas canções Conseguem envolver Mas são tão poucas que nos violões Vão se eternizar Qual a paixão que transbordou Suas amarras foi soltar Cruza oceanos um barquinho além-mar Concordo que algumas canções Nos fazem aplaudir Mas são tão…

Magia – (Roberto Menescal e Costa Netto)

No veloz cotidiano Um momento escapuliu Uma pausa no trabalho Por que tanta ansiedade Ritmos quebrados de um bem Íntimo que a alma contém No repouso do operário No silêncio do escritor Alça vôo o imaginário Em que campos aterrissa?…

Jura – (Roberto Menescal e Costa Netto)

Jura que não vai findar Essa inocência que me conquistou Uma chama de esperança pra sempre acesa Jura que vai preservar A natureza do seu coração Jura e não apague nunca esse olhar de estrelas A cidade anoiteceu A viola…

Todos os direitos reservados