Se eu morresse – (Roberto Menescal e Nara Leão)

Se eu morresse

Só iam ficar

Versos cansados

Um livro, sei lá

Velhas palavras

Pouco o que contar

Se eu morresse

Nada ia mudar

Talvez notícia nos jornais

Iguais a todas

Nada mais

Viria o outono outra vez

E tudo como sempre foi

Se eu morresse

Não ia mudar

A primavera

E o sol do lugar

Talvez rezassem em latim

Dissessem coisas sobre mim

Mas voltaria a chover

E tudo como sempre foi

Se eu morresse

Nada ia mudar

COMPARTILHE:
Todos os direitos reservados