Amiga – (Roberto Menescal e Paulinho Tapajós)

Meu abraço

É um porto vazio

Na esperança

De um dia você ancorar

Deixo a porta dos sonhos aberta

Na esperança

De um dia você entrar

Amiga me conta

Me mostra o seu lugar

Sou rio correndo

Em busca do seu mar

Tenho os olhos de lua cansada

Padecendo a saudade maior de esperar

Seu aceno sereno na estrada

Fez-se triste riacho de dor chorar

Amiga me conta

Me mostra onde chegar

Me abraça me abriga

Me guarda em seu olhar

COMPARTILHE:
Todos os direitos reservados